sábado, 5 de setembro de 2015

O DESABAFO DO WILLIAN.( ESTOU CANSADO)



Talvez este seja meu ultimo 7 de setembro em uma banda marcial. Estou cansado de tocar sempre as mesmas musicas e sempre do mesmo jeito.
Já fazem aproximadamente 10 anos que toco em bandas marciais e ao envés de evoluírem, as bandas do Herval estão regredindo. Tem um grande amigo meu que diz que não gosta de bandas marciais porque são o que sobrou da ditadura militar. Eu protesto! Poderiam ser antigamente quando as bandas eram única e exclusivamente para o dia 7 de setembro, mas hoje em dia não, as bandas de hoje tocam músicas de vários estilos diferentes, abrilhantamos eventos, existem festivais e concursos só para nós. Só que as bandas do Herval hoje em dia, do jeito que estão, não vejo nenhuma delas com condições de ganhar um concurso, talvez nem de ficar entre os 3 primeiros lugares. Todos tem muito potencial, mas não adianta ter potencial e não se dedicar ao máximo para melhorar. Estar em uma banda não é simplesmente tocar um instrumento, tem que ter atitude, tem que prestar atenção no que se está fazendo, tem que ser companheiro e tentar ajudar o seu colega quando ver que ele precisa, quem toca instrumentos melódicos tem que ensaiar em casa também e não só nos ensaios para que a percussão que é na maioria das vezes a parte mais fácil possa fazer a sua parte. Uma banda tem que estar inovando sempre e buscando sempre a perfeição. E não ficar parado no tempo ou pior ainda voltar no tempo, tem que ter garra, dedicação, união e acima de tudo, determinação. O único grupo que eu vi que tinha essas virtudes, foi o primeiro grupo de banda em que eu estive nos meus primeiros 5 anos de banda cujo nosso grito de guerra era exatamente esse "Garra e Dedicação, União e Determinação...Hei!". Hoje em dia o pessoal só quer saber do watsapp e do Facebook, e não prestam atenção em mais nada, é muito bom estar conectado, mas na hora de se fazer alguma coisa tem que tentar se concentrar por mais difícil que seja de se fazer essa coisa. Eu tinha défice de atenção e mesmo assim eu conseguia me concentrar e fazer o que o instrutor ensinava. A única banda de que eu ainda não posso far nada é a banda Luís Lima pois eu ainda não os vi se apresentarem. Foi mal aos meus amigos e companheiros de banda e instrutores, mas eu precisava desabafar e como eu sou muito tímido pra falar isso pessoalmente e com certeza se eu falace eu ia me esquecer da metade do que eu escrevi aqui, resolvi fazer este poste.

Por:Willian Pereira Soares.
Postagem:Paulinho da Mídia, o Javali do Herval.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

FAÇA PARTE DO BLOG, COMENTE, DÊ SUA OPINÃO.