segunda-feira, 20 de junho de 2016

Estado do Rio Grande do Sul, deve ter inverno mais frio e chuvoso dos últimos anos

Fenômeno La Niña será responsável por uma estação com as mesmas características do outono

Geada ao amanhecer em Herval(Foto:arquivo do blog Javali do Herval)

Prepare o agasalho, o guarda-chuva e o calçado impermeável: o inverno do Rio Grande do Sul, que começa na segunda-feira, às 19h34min, deve ser mais frio e chuvoso em comparação aos últimos anos. 
Conforme a Somar Meteorologia, o fenômeno La Niña, que esfria as águas do Pacífico Central e Oeste na altura do Equador, vai provocar aumento de chuvas e queda de temperatura no Sul do Brasil. 


Leia também: 

— O frio vai ficar mais concentrado em julho e com uma chuva um pouco mais volumosa, principalmente no Oeste, Sul e Centro do Estado — explica Fábio Luengo, meteorologista da Somar Meteorologia. 
O inverno gelado e úmido, que termina no dia 22 de setembro, não vai pegar os gaúchos de surpresa. O outono também teve o mesmo padrão. A chuva ficou acima da média em abril, maio e junho e as temperaturas máximas ficaram abaixo do esperado. 
No domingo, última dia da meia-estação, o Rio Grande do Sul amanheceu com temperaturas negativas. Houve registros de geada em Cambará do Sul, onde a mínima foi de -2,8ºC. Em Porto Alegre, a temperatura mais baixa foi de 5,3ºC e a máxima foi de 10,4ºC. 
Semana deve ter chuva e aumento de temperatura 
O tempo deve esquentar aos poucos no Rio Grande do Sul. A segunda-feira ainda deve ser semelhante ao domingo, com neblina, sem chuva e com máximas no Estado entre 10ºC e 14ºC. Há previsão de geada nos Campos de Cima da Serra e no Planalto Médio do Estado. Gramado deve ter mínima de 1ºC e máxima de 12ºC. Porto Alegre tem previsão de amanhecer com 6ºC. A situação deve mudar a partir de terça-feira. Na região Noroeste, perto da divisa com Santa Catarina, há previsão de chuva fraca e isolada. Essa zona de instabilidade deve se espalhar e atingir o resto do Estado na quarta-feira. Mas, na quinta-feira, a previsão é de que o Estado esteja livre de pancadas de chuva e com temperatura mais alta. 
— Há uma massa de ar polar que vem do leste da Argentina e, mesmo sem passar diretamente no Rio Grande do Sul, nos afeta com sua umidade. Na quarta-feira, essa massa vai chegar no oceano e, ao sair da continente, as temperaturas vão se elevar — explica Manoel Rangel, meteorologista da Inmet.
O aumento de temperatura será percebido pela mudança nas mínimas. Se na segunda-feira a Serra tem previsão de amanhecer com -3ºC, na sexta-feira a menor mínima do Estado será de 10ºC. As máximas devem sofrer pequena modificação: na segunda os termômetros devem atingir até 15ºC, enquanto que na sexta-feira a máxima deve ficar em até 22ºC.

Veja a previsão para a semana no Estado:
Segunda-feira

Tempo: Parcialmente nublado com geada
Temperatura: Mínima -3ºC / Máxima 18ºC 
Umidade relativa do ar: Mínima 50% / Máxima 95%

Terça-feira

Tempo: Nublado com chuva esparsa
Temperatura: 2ºC Estável / 18ºC Estável
Umidade relativa do ar: Mínima 50% / Máxima 95%

Quarta-feira

Tempo: Nublado com pancadas de chuva
Temperatura: Mínima 6ºC / Máxima 18ºC
Umidade relativa do ar: Mínima 60% / Máxima 95%

Quinta-feira 

Tempo: Nublado a parcialmente nublado com possibilidade de chuva em áreas isoladas
Temperatura: Mínima 14ºC Estável / Máxima 17ºC
Umidade relativa do ar: Mínima 60% / Máxima 95%

Postagem:Paulinho da Mídia, o Javali do Herval.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

FAÇA PARTE DO BLOG, COMENTE, DÊ SUA OPINÃO.