quinta-feira, 13 de outubro de 2016

POR QUE EM HERVAL NÃO PRODUZ ERVA MATE? BOA PERGUNTA !! AFINAL NOSSA CIDADE TEM ESSE NOME DE ERVA NO SUBSTANTIVO COLETIVO.

Buenas, Paulinho!


Reculutando a Fronteira - e o cavalo hoje pode ser a internet, não é verdade? - pra tentar conhecer e interpretar melhor as realidades locais dos pequenos municípios e comunidades da nossa microrregião, me deparei com Herval; através do teu blog e do YouTube.

A erva-mate que existia em abundância por aí deu origem ao nome do município, mas poderia tornar-se uma alternativa econômica para a comunidade do Herval. Os hervalenses, assim como nós bageenses, são muy agarrados à sua história, quem sabe poderiam discutir um modo de aproveitamento histórico-cultural daquilo a que ela está bem mais vinculada, como a erva-mate?

Alguns anos atrás aqui em Bagé, no CTG a que eu estava vinculado, discutíamos a idealização de um projeto que incluísse nossas referências históricas e culturais numa iniciativa que pudesse gerar a expectativa de oportunidades locais para a comunidade a que a entidade está inserida. E... bueno, então pensamos em um projeto que não mercantilizasse a nossa cultura e a nossa identidade, mas que fosse ponto de partida para melhorar as condições locais e quem sabe pudesse gerar renda com isso. 

O esboço da ideia ficou assim: um plantio experimental não-comercial de erva-mate, que funcionasse como um espaço de entretenimento, estudos e resgate histórico do modo de ser do gaúcho.
No nosso caso, sequer passou de uma ideia, porque quase ninguem se interessou. Mas Herval pode tentar alguma coisa nesse sentido, e até melhor tu não achas?

Um grande abraço.
Denison Cougo
Bagé.



Resposta do Javali:

Buenas, Denison, pois é, sempre tive essa dúvida, por que não se planta mais erva mate por essas bandas? Deve ser por causa de condições climáticas ou de solo, mas como antigamente dava? Pois é, talvez alguém da Emater possa nos responder.
O que posso fazer é publicar teu texto no meu blog e vê se repercuti, aqui em Herval a moda é plantar soja, cultura que há 20 anos ninguém investia, outra cultura polêmica é o plantio de eucaliptos e acácias, acho que por causa do lucro. Mas vamos ver se alguém toparia de fazer uma experiência em plantar erva  mate,  e Herval, enfim honrar seu nome.
Um Javabraço.
Paulinho da Mídia, o Javali do Herval

Nenhum comentário:

Postar um comentário

FAÇA PARTE DO BLOG, COMENTE, DÊ SUA OPINÃO.