terça-feira, 21 de março de 2017

MOVIMENTO PELA CONCLUSÃO DA DUPLICAÇÃO DA BR 116 MOBILIZA AUTORIDADES DA ZONA SUL DO RIO GRANDE DO SUL

Causa reuniu líderes da Zona Sul e deputados estaduais, integrantes da bancada gaúcha no Congresso e um representante do Ministério dos Transportes em Porto Alegre



Trecho de Turuçú.
Por: Juliana Bublitz
20/03/2017 - 18h57min | Atualizada em 20/03/2017 - 18h57min
Movimento pela duplicação da BR-116 exige mais verbas para a obra no Rio Grande do Sul Gustavo Vara / Divulgação/Divulgação


Líderes da Zona Sul reuniram-se nesta segunda-feira, em Porto Alegre,no saguão do Teatro Dante Barone, na Assembleia, a prefeita de Pelotas, Paula Mascarenhas (com o microfone), defendeu necessidade de conclusão das obras na BR-116
Foto:Gustavo Vara / Divulgação / Divulgação 


Líderes da Zona Sul reuniram-se nesta segunda-feira, em Porto Alegre, com deputados estaduais, integrantes da bancada federal no Congresso e um representante do Ministério dos Transportes para debater o futuro da BR-116 no Estado. No encontro, realizado na Assembleia Legislativa, pressionaram pela ampliação das verbas destinadas pela União à duplicação da rodovia.
— Foi uma reunião positiva, porque muita gente participou. Mobilizamos cinco ônibus e conseguimos mostrar que essa não é apenas uma demanda regional. É estadual — disse a prefeita de Pelotas, Paula Mascarenhas (PSDB).
Segundo a mandatária, que é uma das líderes do movimento Juntos pela 116, o principal objetivo é conseguir pelo menos R$ 200 milhões para as obras em 2017 — cerca de R$ 140 milhões a mais do que o previsto pela União.
Leia mais

— O secretário nacional do Ministério dos Transportes, Luciano Castro, ouviu o pedido e sinalizou com a possibilidade de remanejar o orçamento para aumentar os recursos — destacou Paula.
A proposta recebeu o apoio de parlamentares de diferentes partidos, entre eles Henrique Fontana (PT). Ele sugeriu que uma das duas emendas que a bancada gaúcha têm direito de pedir anualmente seja voltada ao tema, com a destinação de R$ 200 milhões às obras na BR-116 em 2018.
— A duplicação dessa estrada é estratégica para o Rio Grande do Sul e não pode mais esperar. Há alguns trechos bem ruins. Passo por ali quase toda a semana, conheço o problema — disse Fontana.
O próximo passo do movimento será uma viagem a Brasília para reforçar a reivindicação, o que deve ocorrer ainda neste mês.
Fonte:Zero Hora.
Postagem:Paulinho da Mídia, o Javali do Herval.


Um comentário:

  1. Criamos um grupo para convergir ideias e pessoas, somando forças para pressionar o governo federal a continuar as obras de duplicação da 116, gostaríamos que todos, inclusive você, nos ajudassem nessa briga, pois o desenvolvimento da metade sul do nosso estado passa por ela. Peço que entre em: http://facebook.com/groups/todospelabr116, juntos somos mais fortes!

    ResponderExcluir

FAÇA PARTE DO BLOG, COMENTE, DÊ SUA OPINÃO.