segunda-feira, 2 de abril de 2018

HERVAL ADERE AO PROGRAMA INTERNET PARA TODOS.

Na tarde de sexta-feira, 16, foi encaminhado ao Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) o formulário de adesão do município de Herval, com o intuito de levar para os quatro cantos do município banda larga para todos.
Após a validação do MCTIC, a prefeitura receberá o termo de adesão e poderá indicar o local para a instalação da antena, situação que já esta sendo encaminhada, cabe salientar que será de responsabilidade da empresa de internet credenciada para prestar o serviço, avaliar se é possível a instalação nos pontos indicados. A prefeitura caberá garantir a segurança do terreno onde a antena será instalada, bem como arcar com as despesas de energia elétrica que a operação consumir.

Os trâmites burocráticos e o termo de adesão foram enviados no dia 05 de fevereiro, desde então, a secretária de Assistência Social, Rosane Wilhelnsen, esteve em contato com o Ministério desenrolando o processo e sanando todas as dúvidas e preparando a documentação e informações do município. Este programa tem objetivo de levar internet para todos os cantos, zona rural, porém, é necessária avaliação técnica e aprovação do Ministério para instalação dos pontos.
A Secretária de Assistência Social, Rosane agradece em especial a sua Adjunta, Daiane Rodrigues, Jornalista Fernanda de Freitas,  Engenheira, Clara Gomes,  João Roberto, prestador de serviços técnicos e ao Prefeito Rubem Wilhelnsen, que não mediram esforços para que esta empreitada tenha um final satisfatório e inclusivo.
Cabe o esclarecimento que o município aderiu ao programa, porém, nada foi liberado ou esta em funcionamento. No decorrer do processo tudo será comunicado através das mídias do município, bem como cada ponto autorizado e localidades atendidas.
O que diz o Ministério?
O programa, como o próprio nome diz, tem como objetivo levar a internet para localidades sem acesso à banda larga e garantir o acesso a internet para a população que reside em pequenas cidades do Brasil e do Espírito Santo.
A conexão nas localidades sem acesso à banda larga, será feita por meio do Satélite Geoestacionário de Defesa e Comunicações Estratégicas (SGDC). Em órbita desde maio de 2017. O programa recebeu R$ 3 bilhões em investimentos do Governo Federal, por meio de uma parceria entre o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e o Ministério da Defesa. A previsão é que o SGDC seja operacional por 18 anos.
Site Prefeitura de Herval

Nenhum comentário:

Postar um comentário

FAÇA PARTE DO BLOG, COMENTE, DÊ SUA OPINÃO.